Segundo Passo

 

O Brasil derrotou os Estado Unidos na segunda rodada da Copa do Mundo de Volei. Em uma partida quase perfeita a seleção brasileira venceu a partida por 3 sets a 1  (25/17, 25/18, 16/25 e 25/16).

Com ótimas atuações individuais, sobretudo do  Oposto Leandro Vissoto e do  Central Lucão( maior pontuador com 16 pontos e eleito o melhor jogador da partida), o Brasil nao deu chances para a atual campeã olímpica.

-“Esse foi um dos melhores jogos que fizemos neste ano. Sacamos e bloqueamos muito bem e isso fez a diferença. Foi um bom jogo e sair como o melhor é gratificante. Acho que consegui bloquear bem e o saque do Vissotto facilitou muito para o nosso jogo. O mais importante foi ter somado mais três pontos”, disse Lucas, se referindo a pontuação conquistada pela equipe que vence por 3 sets a 0 ou 3 a 1.

O JOGO:

1 set

Com saques forçados e eficentes a seleção conseguiu desestabilizar uma forte arma americana: a defesa. Com ótimos ataques de Leandro Vissotto o Brasil consgeuiu se manter a frente do placar e abrir vantagem no set, resultado: 25 X 17.

2 set

A seleção continuou com tudo no segundo set, o conjunto o saque, ataque e defesa continuavam sendo eficientes. Os bloqueios em cima do oposto americano Stanley ( carrasco do Brasil em Pequim 2008), foram essenciais para nao deixarem o  time norte americano encostarem no placar.  Novamente vitória fácil : 25 X 18 e 2 sets a 0 no jogo.

3 set

A fim de mostrar porque são a seleção que mais venceram a seleção  brasileira na era Bernardinho( foram 10 vitórias), os Estados Unidos entraram no set focados a nao facilitar a vida do Brasil. O técnico Alan Knipe trocou de levantador, (entrou Thornton) e as jogadas americanas melhoraram. O saque, arma forte dos EUA começou a entrar, complicando a recepçao brasileira e com isso facilitando o ataque americano. David Lee, o central americano consegui bons bloqueios e ataques rápidos pelo meio e a vitória ampla no set foi conquistada pelo time norte americano: 25 X 16

4 set

De um lado Brasil estava disposto a não levar o jogo para o tie-break, porém,  a equipe americana estava disposto a prorrogar a partida e começaram o set ja abrindo no placar: 4 X 1, mas com bloqueio a equpe braseira empatou, com bons saques de Sidão, o Brasil virou o jogo. Com a liderança no placar, o coletivo e a força brasileira falaram mais alto . Daí, a diante só deu Brasil, que devolveu o placar do 4 set: 25 X 16 e fechou o jogo por 3 sets a 1.

O Técnico Bernardinho aprovou a atuação : – “Foi uma boa partida. Era um jogo tenso, pela perda do Dante, que sentiu uma contusão na estreia, contra o Egito, e estávamos um pouco restritos em relação a eventuais necessidades de mudanças, mas o time jogou colocando uma pressão forte no saque e, com isso, colocamos os Estados Unidos em dificuldades. O ritmo de jogo ainda nos preocupa, mas o time fez uma boa partida e a tendência é melhorar”, garantiu Bernardinho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s