Seleção masculina de vôlei conquista mais um título e mantêm o domínio no continente

por Luara Herédia

Como amante do voleibol, quando descobri que o sul-americano iria ser disputado em Cabo Frio(RJ), não pensei duas vezes e decidi: pelo menos a final eu vou assistir. Dito e feito, no sábado coloquei minha mochila nas costas  fui fazer um bate volta de 800km, afinal era Brasil x Quiroga( ops, Argentina haha).

A cidade não tem muita tradição no vôlei, mas cheguei no ginásio por volta das 19h e me deparei com um ginásio lotado. Detalhe,o jogo era só às 21h45min. Muitas crianças, muita família e muita gente tendo a oportunidade de assistir o Brasil de perto pela primeira vez.

E quem já foi ao ginásio assistir sabe da sensação. São animadores, brindes, dj, e a atração principal, o mascote Zecaré, que dança, agita e é a sensação dos torcedores, que esperam o início da partida.

Foi ótimo ver o quanto a torcida se envolveu com o jogo, e incentivou até o fim( quase morri no quarto set). Confesso que fui no jogo com a camisa azul do Minas TC e com o número 9, que o ponteiro argentino Rodrigo Quiroga usou na última temporada( já deu para perceber que gosto dele?), Esse fato fez com que algumas pessoas me olhassem de jeito estranho, mas é claro que estava torcendo para o Brasil.

sul 2

O jogo:

Rivalidade em alta é sinônimo de grande jogo. Esses são alguns dos ingredientes quando Brasil x Argentina se enfrentam nos esportes, seja qual for a modalidade. E não foi diferente na final do sul-americano de vôlei, disputada no último sábado, 10 de agosto, em Cabo Frio, Rio de Janeiro. Foram mais de duas horas de uma grande partida e no final, vitória brasileira de virada por 3 x 2 .Parciais de 19-25, 25-20, 25/19, 24/26 e 15/10.

Brasil  e Argentina mostraram mais uma vez, que estão um passo bem à frente das outras seleções  do continente. As duas equipes chegaram à última rodada da competição sem perder um set para os adversários (Colômbia, Chile e Paraguai). O técnico Bernardinho começou o jogo com os seguintes jogadores: Bruno, Leandro Vissotto, Lucão, Sidão, Dante, Lucarelli e o libero Mário Jr.

Já a jovem equipe argentina, formada por uma geração de filhos e sobrinhos de craques argentinos do passado, estava determinada a estragar a festa brasileira. O resultado foi um jogo muito equilibrado, com pontos disputados, provocações e discussões com a arbitragem. Porém, o Brasil tinha um fator a mais que fez toda a diferença na partida, a torcida que lotou o Ginásio Alberto Barreto e empurrou a seleção para mais uma conquista.

Do lado argentino, o destaque foi o ponteiro Rodrigo Quiroga, com 17 pontos, o maior pontuador da partida. Mas o nome do jogo foi o central brasileiro Sidão, que voltou à seleção depois de passar por uma cirurgia na coluna, e foi um jogador fundamental para a virada brasileira. Com belos bloqueios, saques eficientes e ataques indefensáveis, Sidão foi eleito o melhor jogador da partida e do campeonato.

Emoção também não faltou, principalmente, no final do quarto set. A seleção brasileira chegou a ter 24 x 20 no placar. O público de pé já ensaiava os primeiros gritos de “é campeão”, mas o entusiasmo dos torcedores serviu de combustível para os “hermanos”, que se recuperaram no set, empataram o placar em 24 x 24, e com ótimos saques, viraram o placar e fecharam o set em 26 x 24, empatando a partida em 2 sets a 2, e calando o ginásio por alguns segundos.

Após uma bronca do técnico Bernardinho, a seleção entrou mais ligada no tie- break (set mais curto de 15 pontos). O Brasil se manteve na frente do placar durante todo o set e no fim, pôde comemorar mais um título e a hegemonia no continente. Afinal, são 29 títulos em 30 edições do Sul-americano.

Seleção do Campeonato

selecao-do-sulAntes da premiação das seleções foi divulgado a seleção do campeonato, e como não poderia ser diferente, o Brasil foi a base da equipe:

Levantador: Bruno Resende (Brasil)

Líbero: Mário Júnior ( Brasil)

Centrais: Sidão( Brasil) e Solé( Argentina)

Oposto: Moreno (Colômbia)

Ponteiros: Lucarelli (Brasil) e Quiroga( Argentina)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s