São José supera UFJF e conquista primeira vitória

por Luara Herédia

_ Derrota amarga para os planos da UFJF. ( Foto: Leonardo Costa/Tribuna de Minas)

_ Derrota amarga para os planos da UFJF.
( Foto: Leonardo Costa/Tribuna de Minas)

              Após oito rodadas, a equipe do São José(SP) finalmente conquistou sua primeira vitória na Superliga 2014/2015. Em jogo realizado no Ginásio da Universidade Federal de Juiz de Fora( UFJF), o time do interior paulista superou os donos da casa por 1 x 3. Parciais de 21 x 25, 22/25, 27/25 e 21/25.  Com o triunfo, São José somou três pontos importantes e chegou aos quatro pontos na tabela.

           Pelo time paulista, dois jogadores que já atuaram pela UFJF se destacaram. O levantador Danilo Gelinski, responsável por armar as jogadas e o ponteiro Juninho, que pontuou 14 vezes, mesmo número pontos de Éverton, central de São José, que recebeu o Troféu Viva Vôlei, prêmio para o melhor do jogo.

           Se por um lado os visitantes eram só alegria, os donos da casa não tinham motivos para festejar. Afinal, o duelo contra o time do interior paulista era considerado um “jogo de seis pontos”, pois as equipes brigam diretamente por uma das oito vagas para os playoffs.

            Ao final do jogo, o técnico da UFJF, Carlos Augusto “Chiquita”, reuniu com seus jogadores e comissão técnica no meio da quadra e mostrou sua insatisfação com o resultado. E a conversa não parou por aí, o treinador mandou todos os jogadores para o vestiário e fez uma reunião no vestiário de portas fechadas.

         Já com a adrenalina mais baixa, o treinador do time mineiro analisou o jogo: “Estamos com dificuldade no ataque, fundamento  em  que  tivemos  muitos  erros.  E  nosso  saque não está  surtindo efeito.  Tentamos mudar algumas posições que não estavam dando certo. Os jogadores que entraram ajudaram um pouco, mas não foi suficiente.Infelizmente isso aconteceu na nossa casa e contra um adversário direto. Mas temos que levantar a cabeça e pensar para a frente. Temos que corrigir esses erros para sábado.”

   Sem tempo para lamentações

            Sem muito tempo para digerir a derrota, a UFJF volta suas atenções para a próxima partida. No sábado, 06, às 19h, Juiz de Fora recebe o time de Maringá(PR), do experiente levantador Ricardinho.  A equipe paranaense ocupa o sexto lugar na tabela, com 11 pontos conquistados. A Federal está em décimo, fora da zona de classificação, com seis pontos.

JOGADORES:

 UFJF: Rodrigo Ribeiro (levantador), Bergamo (oposto), Ialisson e Guinter (centrais), Manius e Sérgio (ponteiros), Fábio Paes (líbero).

TÉCNICO: Carlos Augusto “Chiquita”

ENTRARAM: Gelli (levantador), Alemão (oposto), Victor Hugo (central) e Deivison (ponteiro).

SÃO JOSÉ

Gelinski (levantador), Kaio (oposto), Everton e Maicon (centrais), Bob e Juninho (ponteiros), Túlio (líbero).

ENTRARAM: Pedro (levantador), Jean (oposto) e Rodrigo (ponteiro).

TÉCNICO:  Alexandre Rivetti

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s