[Superliga] Jogadores do Brasil Kirin colocam o rival como favorito, mas estão confiantes no título inédito

Depois de vencer um duelo complicado nas semifinais, que só foi decidido no tie- break no 3º jogo diante de Taubaté, neste domingo (10), o time do Brasil Kirin joga pela primeira vez, em seus seis anos de história, a decisão da Superliga Masculina de Vôlei. A partida será realizada às 9h40, no ginásio Nilson Nelson, em Brasília, contra a forte equipe do Sada/Cruzeiro.

Se a experiência pesa a favor dos mineiros, afinal são seis finais consecutivas, Campinas já demonstrou durante a temporada que pode enfrentar qualquer equipe. É verdade que ainda não venceu o Sada/Cruzeiro na temporada, mas os jogadores e comissão técnica apostam que final é um jogo diferente e com campo neutro dá ainda mais confiança.

Chegando ao treino da véspera da final, o técnico Alexandre Stanzioni foi perguntando sobre a expectativa para o jogo, bem humorado, o treinador respondeu“ Minha expectativa é de vencer! O que estiver ao nosso alcance vamos fazer. Eles já têm muitos[títulos], chegou a nossa vez”, disse rindo e demonstrando otimismo. O discurso também foi adotado pelo oposto Wallace.

 “O favoritismo é deles, mas, se trata de uma final em jogo único e, assim, qualquer coisa de errado que aconteça pode comprometer. Nós acreditamos muito nesse título. Ao longo do returno e dos playoffs nosso time cresceu bastante, depois passamos por uma semifinal muito dura e isso aumentou a nossa expectativa”.

Para Tiago Brendle, líbero do Brasil Kirin, a equipe não te um destaque, um jogador que sobressai sobre os demais, para ele, o que fez o time chegar a decisão foi todos os jogadores jogando bem. Mas a verdade é que o Campinas se destaca em algumas posições individuais. O oposto Wallace é o sexto maior pontuador, com 360 pontos de ataque. O ponteiro Lucas Lóh tem 52% de aproveitamento de ataque e ocupa o 9º lugar do ranking.

Outro fundamento é o bloqueio, o central Maurício Souza está em segundo lugar com 63 pontos. E Tiago Brendle tem mais de 88% em aproveitamento nas defesas. Além desses, o saque é outro ponto forte da equipe, sobretudo com Maurício e o central reserva Vini, que sempre entra muito bem no fundamento.Com tantos esses destaques, a partida promete muita emoção ao torcedor.

[Foto: Vôlei Brasil Kirin/ Reprodução Facebook ]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s