[Mineiro] Minas vence JF Vôlei por 3 a 0 fora de casa e garante o terceiro lugar na fase de classificação

O JF Vôlei fez, nesta terça(26), seu primeiro jogo oficial no ginásio da Faculdade de Educação Física e Desportos(FAEFID) da temporada 2017/2018. Em partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Mineiro, o time recebeu o Minas Tênis Clube e foi derrotado por 3 sets a 0, parciais (25×20, 22×25 e 12×25). O grande nome da partida foi o oposto canhoto minastenista Felipe Roque, que curiosamente nasceu e foi revelado nas categorias de base de Juiz de Fora.

Mesmo com mais uma derrota, o treinador do time da Zona da Mata, Henrique Furtado, comentou sobre a evolução do seu time, que comandou o placar por um bom período nos dois primeiros sets e elogiou o adversário.  “O Minas impôs um ritmo de saque muito agressivo e alguns jogadores tiveram uma constância muito grande na virada de bola, o que nos impediu de rodar a  bola no mesmo nível durante todo o tempo. Nós  acabamos deixando  o placar muito elástico e não conseguindo ter o mesmo rendimento dos outros dois sets, mas seguimos lutando por uma evolução no sistema ofensivo, por jogar bem por mais tempo”, afirmou Henrique.

Nesta quarta-feira (27)  Juiz de Fora e Minas voltam a se enfrentar pela última rodada do Estadual, mas as posições e os confrontos das semifinais já estão definidos. Com mais três pontos adquiridos, o Minas chegou aos seis pontos,  se garantiu no terceiro lugar na tabela e irá à Montes Claros, que terminou a fase de classificação em segundo com sete pontos, para a disputa da semifinal. Ainda sem marcar pontos, o JF Vôlei é o quarto colocado e vai enfrentar o Sada Cruzeiro, líder isolado da primeira fase com 17 pontos.

 O JOGO

O JF Vôlei iniciou a partida com muito volume de jogo, bons ataques de Emerson Rodriguez e Leozinho, além de boas defesas do líbero Juan, que proporcionaram contra-ataque para o time da Zona da Mata (12×9). Após o pedido de tempo do técnico Nery, sua equipe voltou mais ligada, errando menos e empataram a parcial (15×15). Mesclando a experiência, como a do levantador Marlon, e a juventude do oposto Felipe Roque, o Minas passou a liderar o marcador e a abrir vantagem (17×21). A combinação saque e  bloqueio dos minastenistas fizeram a diferença e o time se encaminhou para fechar a primeira parcial (20×25) em 26 minutos.

Mineiro 2017 - JF Vôlei x Minas Tenis Clube

Defendendo as cores do Minas, o juizforano Felipe Roque foi eleito o melhor jogador da partida.

Assim como no primeiro set, Juiz de Fora começou à frente do marcador (14×11) e viu o time de Belo Horizonte se ajustar, aproveitar os erros do adversário, além de contar com uma noite inspirada de Roque, que manteve um alto aproveitamento e eficiência de ataque. O treinador de Juiz de Fora, Henrique Furtado, chamou a atenção de seus comandados, mas os mandantes sacavam mal e não conseguiram parar o poder ofensivo do outro lado da quadra(22×25), em 27 minutos.

O time da Capital voltou impondo um ritmo muito forte (1×8). Abatido, o JF Vôlei não conseguia buscar uma reação. O bloqueio do Minas com Flávio e Pétrus incomodava os atacantes adversários que não conseguiam botar a bola no chão(4×11).  A parcial seguiu muito favorável para os visitantes que abriram dez pontos de vantagem(5×15). Do lado da quadra Henrique Furtado tentava incentivar seus jogadores, mas o set se encaminhava tranquilamente a favor da equipe de Belo Horizonte(12×25) em 19 minutos.

Equipes:

JF VÔLEI: Felipe, Emerson Rodríguez, Leozinho, Rammé, Bruno, Drago e líbero Juan Mendez

Entraram: Adami e Raphael

Técnico: Henrique Furtado

Minas Tênis Clube: Marlon, Felipe Roque, Bisset, Bob, Flávio, Pétrus e líbero Rogerinho

Entraram: Maique, Carísio,  Davy e Vanole

Técnico: Nery Tambeiro

Anúncios

[Mineiro] Montes Claros garante vice-liderança e semifinal em casa

O Montes Claros Vôlei recebeu o Minas Tênia Clube na terça (19) e na quinta (21), e conseguiu garantir a vice-liderança do Campeonato Mineiro. Desta maneira, o Pequi Atômico terá o direito de disputar a semifinal do Estadual diante de seu torcedor no ginásio Tancredo Neves.

No primeiro confronto, o Minas levou a melhor e superou, de virada, os donos da casa. Os erros foram determinantes para a queda de rendimento da equipe de Chico dos Santos e o Minas não perdeu as oportunidades que teve, principalmente no final do 2º set.

Na quinta-feira, o MOC devolveu o placar com parciais de 27×25, 20×25, 25×21 e 25×18. Cometendo menos erros, o Montes Claros teve ainda o levantador Sandro eleito como melhor jogador da partida.

A fase classificatória do Mineiro termina na próxima semana com as duas partidas do Minas Tênis Clube contra o JF Vôlei. Os juiz-foranos recebem os minastenistas nos dias 26 e 27 no ginásio da UFJF.

Foto: Montes Claros Vôlei/Divulgação

[Mineiro] Sada fecha fase classificatória com vitória diante do Minas

Sada Cruzeiro e Minas Tênis Clube fizeram mais um clássico estadual no Ginásio do Riacho, em Contagem. Em partida válida pelo Campeonato Mineiro 2017, a Raposa venceu o duelo por 3×1, parciais de 25×22, 25×21, 20×25 e 26×24, e o ponteiro Leal foi eleito o melhor da noite de sexta-feira (15).

Desta maneira, o Sada terminou a fase classificatória de maneira quase perfeita, não fosse o ponto perdido na vitória contra o Montes Claros, os comandados de Marcelo Mendez teriam 100% de aproveitamento em pontos. Invictos, os cruzeirenses agora dão uma pausa no Estadual e viajam para a Argentina onde disputam um torneio amistoso como parte da preparação para o Mundial de Clubes.

O Minas, por sua vez, viaja a Montes Claros para duas partidas contra a equipe local nos dias 19 (terça) e 21 (quinta).

O jogo

Com bloqueio bem colocado e com o passe na mão do levantador Uriarte, o Sada Cruzeiro comandou o placar do início ao fim na primeira parcial. Errando bastante, o Minas só conseguiu um respiro na reta final quando melhorou seu saque flutuante. Porém, o Sada Cruzeiro levou o primeiro set em 25×22.

DJzg7x7UIAAEft8.jpgMantendo o equilíbrio no saque, o Minas começou melhor no 2º set, entretanto voltou a cometer erros no fundamento. O Sada Cruzeiro conseguiu abrir dois pontos no placar mesmo sendo incomodado com a presença do bloqueio adversário (19×17). Aproveitando mais as oportunidades, os donos da casa fecharam o set em 25×21 no ponto de Leal na pipe.

O Minas chegou com várias mudanças em sua formação no 3º set que deram novo gás à equipe, com destaque para o jovem ponteiro Honorato. A defesa do Minas também mostrou melhora assim como o saque. Enquanto isso, o Sada parecia bagunçado em quadra, errando bastante no ataque (11×17). Os minastenistas mantiveram o ritmo e conseguiram vencer a parcial em 20×25, após erro de saque de Pablo.

O 4º set foi inteiro de alternâncias no placar e o jogo teve uma esquentada nos ânimos devido a marcações da arbitragem em lances difíceis. O Minas caiu um pouco de rendimento e o volume de jogo do Sada voltou a aparecer (12×10). Após pedido de tempo e com o retorno do ponteiro Bob, o Minas reequilibrou o jogo (19×19). Na reta final do set, ambas as equipes voltaram a se exaltar com a arbitragem. Os visitantes chegaram a ter um set point a favor, porém dois erros seguidos deram o match point para os cruzeirenses que não desperdiçaram. No contra-ataque de Filipe, o Sada fez 26×24 e fechou o jogo em 3×1.

Sada Cruzeiro
Uriarte, Evandro, Simon, Éder Levi, Filipe, Leal. Líbero: Serginho.
Entraram: Pablo, Cachopa, Alemão e Robert.
Técnico: Marcelo Mendez

Minas Tênis Clube
Marlon, Davy, Flávio, Pétrus, Bob, Bisset. Líbero: Maique.
Entraram: Carísio, Felipe Roque, Honorato, Rogerinho e Vanole.
Técnico: Nery Tambeiro

Fotos: Sada Cruzeiro/Reprodução Twitter

[Mineiro] Montes Claros vence a primeira no Estadual

O Montes Claros recebeu o JF Vôlei na noite de ontem (13) pelo Campeonato Mineiro e conquistou sua primeira vitória na competição. Diante de sua torcida, o Pequi Atômico fez 3×0, parciais de 25×21, 25×23 e 28×26, em pouco mais de 1h20.

Podendo contar com sua força máxima, o MOC teve no saque seu maior trunfo diante do JF Vôlei combinado com a boa atuação do central Tarcísio, eleito melhor da partida. O meio-de-rede se apresentou bem na rede com pontos importantes no bloqueio.

moc-jfvolei_mineiro2017_.jpgAinda sofrendo com a recepção e erros nos momentos decisivos, o JF conseguiu equilibrar o confronto no sistema defensivo e boa marcação em cima do oposto Lorena. “O saque do Montes Claros é muito agressivo. Tivemos alguns momentos em que conseguimos colocar o passe em boas condições, mas também apresentamos algumas falhas que sem dúvidas vamos tratar de melhorar. É um ponto que precisamos seguir crescendo, assim como todos”, comentou o treinador do JF Vôlei, Henrique Furtado.

Amanhã (15), as duas equipes voltam a se enfrentar no Ginásio Tancredo Neves no Norte de Minas, às 20h, mesmo horário do clássico entre Sada Cruzeiro e Minas Tênis Clube, que será realizado em Contagem.

O Sada lidera a competição com 14 pontos e cinco vitórias, seguido do Montes Claros com quatro pontos e uma vitória.

Montes Claros Vôlei
Sandro, Lorena, Tarcísio, Mesa, Luan, Zanotti. Líbero: Alan
Entraram: Vivaldi, Alemão, Cristiano
Técnico: Chico dos Santos

JF Vôlei
Felipe, Emerson Rodriguez, Bruno, Franco, Rammé, Leozinho. Líbero: Juan
Entraram: Raphael, Adami, Vítor
Técnico: Henrique Furtado

Fotos: Letícia Soares/MCV

[JF Vôlei] Emerson Rodriguez é apresentado e demonstra confiança: “Tenho capacidade para crescer e prometo dar o melhor de mim”

Antes mesmo de pisar em Juiz de Fora (MG), o oposto venezuelano Emerson Rodriguez estreou com a camisa do JF Vôlei, nas duas derrotas diante do Sada Cruzeiro pelo Campeonato Mineiro. Nesta-segunda-feira (11), em ritmo do bom e quase sempre eficiente “portunhol, o atleta foi apresentado oficialmente a imprensa, em coletiva realizada no Ginásio da Escola Móvel SESI SENAI, e se mostrou bastante animado com o novo desafio.

Emerson já jogou na posição de central, atuou na Eslováquia, Líbano, defende a sua seleção desde os 17 anos e recentemente foi vice-campeão Sul-americano, perdendo a final para o Brasil. O atleta chega para suprir a falta de um oposto no elenco, já que outros jogadores estavam sendo revezados na posição. Apesar dos seus 25 anos, o oposto será o jogador mais velho do time mineiro. “Fiquei surpreso que a equipe é muito jovem e eu sou o mais velho, mas a equipe tem uma qualidade de jogo impressionante. Apesar de serem jovens, eles têm um potencial muito grande e o melhor é que são boas pessoas e me abriram as portas.”

O treinador Henrique Furtado elogiou Rodriguez e comentou como foi o processo até a contratação. ” É um prazer contar com Emerson aqui no elenco, ele é um jogador que já acompanho há dois anos. Ele me foi indicado pelo ex-capitão da Venezuela para Superliga 2016/2017, mas nós acabamos trabalhando com outro oposto. Nesta temporada retornamos a conversa e as coisas se concretizaram. Emerson é um atleta jovem de muito potencial em alguns fundamentos e que pode crescer muito em outros. Tenho certeza que ele vai acrescentar muito o nosso time e sem dúvida nenhuma vai ser uma peça importante”.

DSC05559

_ Antes do treino, Emerson ouve as instruções do Diretor Técnico, Maurício Bara. [Foto; Lucilia Bortone/Sacandoovôlei.com]

O atleta retribuiu agradecendo a confiança e a oportunidade de jogar no Brasil. “Na Venezuela nós não temos uma boa Liga e estamos há quilômetros de chegar no Brasil, por isso me sinto muito feliz de estar aqui, agradeço a oportunidade do professor Henrique que é muito competente e sempre esteve falando comigo sobre essa oportunidade até que se cumpriu. Tenho capacidade para crescer e prometo dar o melhor de mim”.

Campeonato Mineiro

O JF Vôlei ainda não venceu no Campeonato Estadual, mas o treinador Henrique Furtado fez uma análise em relação aos dois jogos diante do Sada Cruzeiro. “Foram jogos interessantes, porque é sempre muito importante estrear com um adversário de alto nível, como é o Sada Cruzeiro, que é uma referência para nós. Eles foram agressivos o tempo inteiro no saque e nos colocaram em dificuldades, então foi um aprendizado jogar contra esse bloqueio e saque tão eficientes e espero que esse aprendizado sirva para as outras partidas. ”

O técnico do JF Vôlei também falou sobre o crescimento do time  comentou sobre o pouco tempo de treinamento com sua equipe completa. “A equipe tem muito o que evoluir, não dá para mensurar exatamente a evolução, mas acho que nós evoluímos muito no passe e estamos tendo um crescimento no levantamento. Nós tivemos pouco tempo para treinar com a equipe inteira, o Leozinho já chegou e foi para os dois amistosos contra o SESC RJ e agora o Emerson que já chegou e foi direto para um jogo oficial, mas tenho certeza que dentro de um tempo nós vamos estar jogando um voleibol de muita qualidade”.

A equipe da Zona da Mata terá mais um desafio pelo Mineiro nesta quarta (13). O time está Montes Claros para enfrentar o Pequi Atômico. Na sexta (15), os times voltam à quadra para mais uma rodada do Estadual. As duas partidas serão às 20h e terão transmissão online do Jornal O Tempo.

[Mineiro] Sem Evandro, Sada mantém ritmo e vence o JF Vôlei

Após mais uma rodada dupla, o Sada Cruzeiro segue líder e invicto no Mineiro 2017. Tanto na quinta (7) quanto ontem (8), a equipe de Marcelo Mendez manteve o ritmo e venceu o JF Vôlei por duplo 3×0.  Sofrendo bastante com o saque do Cruzeiro, o trabalho dos levantadores de Juiz de Fora, Felipe Hernandez e Adami, foi bem complicado. “Esses dois jogos com o Sada foram muito difíceis. Um time que dispensa comentários. Um time muito organizado pelo seu treinador e tem dois grandes levantadores. A gente tinha que sacar agressivo, e sacou agressivo e eles tem uma ótima recepção também. É um campeonato difícil, a gente tem que seguir crescendo em todos os desafios. Foi muito importante começar com esses jogos contra o Sada Cruzeiro para que a gente pudesse melhorar para a sequência do campeonato” disse o comandante do JF Vôlei que já pôde contar com o oposto venezuelano Emerson Rodriguez na equipe.

IMG_6558.jpgA Raposa teve como destaque o jovem ponteiro Pablo que fez sua primeira partida como titular na sexta-feira. O jogador substituiu o cubano Leal, poupado, e saiu de quadra como o Melhor da Partida. “Marcelo conversou comigo e me disse que eu poderia começar jogando, então vim preparado para isso. Treino firme com essa galera para isso. Então eu sei que, quando tiver oportunidade, tenho que mostrar que não estou aqui à toa. Tentei fazer meu máximo em quadra e também contei com a equipe, que é muito especial. Eles me ajudaram muito, me deram apoio e isso ajuda bastante. Fiquei feliz demais por ainda ter o reconhecimento da torcida e sair com o troféu. Eu não acho que fui o melhor em quadra, mas é que a responsabilidade de jogar no lugar do Leal é muito grande. E acho que o fato de eu ter entrado no lugar dele sem deixar o nível do time cair deve ter sido a razão para eles votarem em mim”, disse o jovem Pablo.

Do lado cruzeirense, Marcelo Mendez não pôde utilizar o oposto Evandro nas duas partidas, o titular foi o recém-chegado Alemão. “A gente ainda não disputou muitos jogos, então estamos buscando o entrosamento a cada partida. Para mim foi importante jogar hoje, estou há muito tempo parado e venho de uma lesão no início desta temporada. Mas me senti bem em quadra, isso que é importante. Vamos aproveitar o confronto contra o Bolívar para conseguir evoluir ainda mais e ganhar mais ritmo para a sequência da temporada”, disse o oposto.

Atual campeão da competição, o Sada Cruzeiro faz uma breve pausa no Estadual para um amistoso na quarta-feira (13) contra o Personal Bolívar (Argentina), em Contagem. O encontro faz parte da preparação das duas equipes para o Mundial de Clubes de dezembro, na Polônia. Também na quarta-feira, o JF Vôlei faz a primeira partida contra o Montes Claros, No Norte de Minas.

Confira todos os resultados do Mineiro 2017

25.08 – Sada Cruzeiro 3 x 0 Montes Claros Vôlei (25×22, 25×21, 25×20)
30.08 – Minas Tênis Clube 0 x 3 Sada Cruzeiro (27×29, 33×35, 20×25)
02.09 – Montes Claros Vôlei 2 x 3 Sada Cruzeiro (25×23, 19×25, 20×25, 25×23, 8×15)
07.09 – Sada Cruzeiro 3 x 0 JF Vôlei (25×15, 25×18, 26×24)
08.09 – Sada Cruzeiro 3 x 0 JF Vôlei (25×16, 25×14, 25×23)

Com informações do Sada Cruzeiro e FMV.
Fotos: Renato Araújo/Sada Cruzeiro

[Mineiro] Com polêmicas e decisão no tie-break, Sada mantém invencibilidade

Atual campeão estadual, o Sada Cruzeiro foi ao Norte de Minas, no sábado (2), enfrentar o Montes Claros no Tancredo Neves e manteve sua invencibilidade no Mineiro 2017. O placar de 2×3 (25×23, 19×25, 20×25, 25×23, 8×15) deu ao Sada mais dois pontos na classificação e a primeira colocação após três partidas disputadas.

O confronto ainda contou com muitas reclamações sobre a atuação da arbitragem. “Foi um jogo muito difícil, muito disputado, com muitos erros, confusões com a arbitragem também. Mas no geral foi uma partida muito equilibrada. Para um começo de temporada o time de Montes Claros está muito bem e vai crescer ainda. E nós também temos que melhorar muito mais. No quinto set nós crescemos no saque, pesou a experiência do nosso time e vamos levar para Belo Horizonte essa importante vitória. Agora é pensar no time de Juiz de Fora, que tem garotos das nossas categorias de base que sempre treinaram com a gente e nos conhecem bem”, comentou o ponteiro cruzeirense Leal.

Esta é a segunda derrota do Montes Claros no campeonato – as duas para o Cruzeiro –, que ocupa a vice-liderança com 1 ponto conquistado, seguido do Minas Tênis Clube. Apenas o JF Vôlei não entrou em quadra ainda e faz sua estreia na próxima quinta-feira (7) contra o Sada Cruzeiro, em Contagem.

Confira todos os resultados do Mineiro 2017

25.08 – Sada Cruzeiro 3 x 0 Montes Claros Vôlei (25×22, 25×21, 25×20)
30.08 – Minas Tênis Clube 0 x 3 Sada Cruzeiro (27×29, 33×35, 20×25)
02.09 – Montes Claros Vôlei 2 x 3 Sada Cruzeiro (25×23, 19×25, 20×25, 25×23, 8×15)

Com informações da FMV e Sada Cruzeiro.
Foto: Renato Araújo/Sada Cruzeiro