[Pré-olímpico] Na partida mais esperada do Pré-olímpico, Polônia vence a França por 3×2

konarskiEm mais um tie-break, a Polônia conseguiu sua segunda vitória no Pré-olímpico Mundial disputado no Japão. O triunfo veio após a virada diante da França, parciais de 22×25, 13×25, 31×29, 25×17 e 15×12.

A entrada do oposto Konarski no 3º set como titular deu novos ânimos à equipe que conseguiu a arrancada para a vitória nos últimos três sets. Konarski foi, inclusive, o maior pontuador polonês (19 pontos) e o francês Ngapeth foi o maior pontuador da partida (22 pontos).

O capitão francês, Toniutti, lamentou a derrota e a vitória que escapou no 3º set. “Os dois primeiros sets foram bons. É triste terminar com esse resultado, pois tivemos a chance de vencer no 3º set. Eles mudaram o ritmo do jogo e a atitude na partida”, disse.

Para o treinador da Polônia, o francês Antiga, ter um banco de alto nível ajudou muito na virada. “Foi uma bela vitória para nós. A França vencia por 2×0, mas nós não desistimos. Temos sorte de ter jogadores de alto nível no banco que entraram e viraram o jogo a nosso favor”, avaliou.

Todas as seleções folgam hoje e voltam à disputa das vagas olímpicas amanhã (30).

Confira os resultados da rodada, próximas partidas e a classificação até aqui.

2ª rodada

Canadá 2 x 3 Irã (29×27, 25×19, 20×25, 21×25 e 14×16)

Venezuela 1 x 3 Austrália (25×19, 20×25, 10×25 e 19×25)

França 2 x 3 Polônia (25×22, 25×13, 29×31, 17×25 e 12×15)

Japão 0 x 3 China (20×25, 22×25, 23×25)

3ª rodada

30/05 – 22h10 (horário de Brasília) – Austrália x Canadá

31/05 – 00h55 (horário de Brasília) – China x Venezuela

31/05 – 3h40 (horário de Brasília) – Irã x França

31/05 – 7h20 (horário de Brasília) – Polônia x Japão

classificacao_2arodada

Com fotos e informação da FIVb

Anúncios

[Pré-olímpico] Irã consegue virada e vence Canadá no tie-break

IranheadcoachLOZANORaulLuciocelebratesvictoryoverCanadaA vitória canadense parecia que viria fácil após abrir 2×0 na partida, porém os iranianos reencontraram sua força para empatar o confronto e vencer o tie-break (29×27, 25×19, 20×25, 21×25 e 14×16).

Apesar da derrota, Gavin Schmitt terminou o confronto como maior pontuador (27 pontos: 22 de ataque, 2 de bloqueio e 3 de saque).

As equipes folgam hoje e voltam à quadra amanhã (30). O Canadá enfrenta a Austrália às 22h10 (horário de Brasília) e o Irã pega a França na madrugada do dia 31, às 3h40 (horário de Brasília).

O jogo

A boa distribuição de jogo do levantador Sanders sem sobrecarregar seus atacantes, principalmente o oposto Schmitt que fez sua primeira partida como titular, ajudou os canadenses a abrir vantagem na parcial. Irã cresceu pouco antes da 2ª parada técnica e reequilibrou o set. Após várias trocas de pontos, um erro de ataque iraniano deu o set para o Canadá 29×27.

2º set

Canadá conseguiu abriu dois pontos no início na parcial, assim como fez no 1º set, e em dois pontos de saque de Schmitt ampliou (8×4). O bloqueio iraniano não encontrava os atacantes adversários, e, sem confiança, os atacantes iranianos não aproveitaram seu poderio nos golpes, facilitando a vida da defesa canadense (18×10). Após pedido de tempo de Raul Lozano, o Irã fez três pontos seguidos em belos rallys. Sem nada a perder, os iranianos foram com tudo para o saque e conseguiram diminuir a vantagem adversária mais uma vez (18×15). Aproveitando a larga vantagem do segundo terço do set, o Canadá fez 2×0 na partida (25×19).

3º set

A vantagem de três pontos conquistada pelo Irã no início do 3º set chegou a ser ameaçada em algumas oportunidades, porém o levantador iraniano Marouf reencontrou o caminho que deu aos iranianos a vitória na estreia. Matando os pontos no side-out e aproveitando as oportunidades nos contra-ataques, o Irã se mostrou mais vibrante em quadra (11×15). Errando saques, os canadenses foram dando pontos de graça aos adversários. Com o aproveitamento no saque em queda, os canadenses não conseguiam compensar no ataque e bloqueio. Em mais um erro de saque do Canadá, o Irã venceu o 3º set por 25×20.

4º set

Embalados pela recuperação no set anterior, os iranianos não diminuíram o ritmo no ataque. Após o ace de Ghaemi, o Irã conseguiu abrir dois pontos (10×12). Sofrendo com os saques adversários, a seleção canadense foi perdendo a confiança e os ponteiros iranianos foram ganhando terreno. Mais uma vez, a boa distribuição de jogo de Marouf e o grande volume de jogo mantiveram a vantagem do Irã que venceu o set em 25×21.

5º set

Sentindo a recuperação iraniana, os canadenses erravam bastante e facilitaram a vida adversária no início do set decisivo (1×3). Com a recepção abaixo do ideal, o levantador Sanders teve dificuldades para distribuir as jogadas (4×7). Após rally, os canadenses conseguiram empatar a parcial e passar à frente no placar pela primeira vez (9×8). Porém, a reação parou ali e, confiantes, os jogadores iranianos voltaram a crescer e venceram o tie-break em 16×14.

Fotos: FIVb

[Pré-olímpico] Em batalha de cinco sets, Polônia derrota o Canadá

Os poloneses não tiveram vida fácil contra os canadenses. No retorno do oposto Gavin Schmitt às quadras, o Canadá deu trabalho aos campeões mundiais que só conseguiram a vitória no tie-break (25×18, 17×25, 25×21, 18×25 e 15×9). “Essa foi uma vitória importante. Sabíamos que o Canadá jogaria melhor que no ano passado, estudamos os vídeos. O oposto [Schmitt] foi bem no saque e ataque, e tivemos que jogar bem para vencer”, disse o treinador da Polônia, o francês Stephane Antiga.

ngapeth_pre_olimpicoNa última partida da primeira rodada, o Japão fez 3×1 diante da Venezuela, fazendo a alegria da torcida. Mais cedo, o Irã venceu a Austrália com facilidade e a França passou pela China por 3×1 (25×13, 22×25, 25×23 e 25×21).

O Pré-olímpico Mundial está sendo transmitido no canal da FIVb no Youtube e todas as partidas realizadas continuam disponíveis na plataforma.

Confira abaixo a tabela da 2ª rodada.

28.05 (sábado) – Canadá x Irã – 22h (Horário de Brasília)

29.05 (domingo) – Venezuela x Austrália – 0h55 (Horário de Brasília)

29.05 (domingo) – França x Polônia – 3h40 (Horário de Brasília)

29.05 (domingo) – Japão x China – 7hh15 (Horário de Brasília

Com informações e fotos da FIVb

[Pré-olímpico] Irã estreia com vitória diante da Austrália

Volume de jogo e confiança deram ao Irã sua primeira vitória no Pré-olímpico Mundial disputado no Japão. O triunfo veio logo na estreia contra seu grande rival nos últimos anos: a Austrália. Com facilidade, a equipe comandada pelo argentino Raul Lozano fez 3×0 (25×19, 25×17 e 25×18) em pouco mais de 80 minutos.

Na próxima rodada, os Volleyroos enfrentam a Venezuela e os iranianos pegam os canadenses.

AustraliasNathanRobeetsattacksoverIrandefenseO jogo

Sem poder contar com o capitão Tom Edgar, lesionado, entre os titulares, Roberto Santilli colocou o canhoto Paul Carroll para começar a partida. Do lado iraniano, nenhuma surpresa entre os titulares. Com o bloqueio funcionando, os iranianos ganharam confiança no 1º set. Australianos conseguiram a equilibrar a parcial com bloqueio, bom saques e aproveitando a momentânea desatenção iraniana. Porém, após a segunda parada obrigatória, os volleyroos passaram a cometer vários erros e colocaram os iranianos com vantagem de cinco pontos (20×15). Sem dificuldades, a seleção comandada por Raul Lozano levou o 1º set por 25×19

Com o levantador Marouf solto em quadra, não demorou para o Irã abrir vantagem no início do 2º set (4×1). O Irã também aproveitou os bloqueios do central Gholami para manter o domínio do placar. Os erros continuaram a aparecer do lado australiano, dando tranquilidade ao Irã para definir os pontos e abrir larga vantagem (16×10). No fim, os iranianos fecharam a parcial em 25×17.

Dando continuidade das alterações feitas durante o segundo set, Roberto Santilli colocou o oposto Edgar e o central Guymer em quadra. Confiantes, os iranianos não demoraram para acertar a marcação e desestabilizar os ataques australianos (11×6). A potência de ataque de Ghafour também foi um dos destaques do Irã na terceira parcial. Assim como nos dois primeiros sets, os iranianos mantiveram o ritmo e fecharam o set em 25×18.

Fotos: FIVb

[Pré-olímpico] Cuba adia retorno canadense aos Jogos Olímpicos

Diante de sua torcida, a seleção canadense chegou como favorita para a conquista da vaga direta para os Jogos Olímpicos de 2016. Após vencer as duas primeiras partidas, os donos da casa decidiram, na noite de domingo (11), o Pré-olímpico da Norceca contra a seleção de Cuba.

Com Cepeda inspirado, os cubanos fizeram incríveis 3×0 (25×15, 25×21 e 25×21) e asseguraram presença nos Jogos do Rio.“Já era hora. Em 2012 perdemos a chance numa partida de cinco sets com a Alemanha. Viemos aqui buscando demais esta vitória. Já perdemos diversas vezes para os canadenses e é a primeira vez que conseguimos vencê-los desta maneira. É um novo começo para o voleibol cubano e acredito que temos um time para muitos anos. Estou muito feliz e não tenho palavras para expressar o que estou sentindo”, disse o capitão cubano Rolando Cepeda, responsável por 21 pontos na decisão.

Pelo lado canadense, o ponteiro Winters parabenizou os adversários pela incrível performance e analisou a derrota. “Sabíamos que seria nó contra Cuba pela vaga olímpica, e sabemos que não jogamos nosso melhor voleibol hoje [domingo], eles foram inacreditáveis. Foi o melhor que vi dos cubanos no último ano. É difícil, não cosneguimos pará-los, não conseguimos segurar o saque, muito menos segurá-los nos ataques. Foi uma partida veloz e não conseguimos mudar o ritmo. Ficamos à frente em alguns momentos, mas eles estavam pegando fogo no saque”, disse o ponteiro que agora retornará ao Brasil para se reintegrar ao grupo do Sada/Cruzeiro.

Aos canadenses resta buscar a vaga no Pré-olímpico Mundial no Japão no mês de maio para encerrar o jejum de 24 anos fora dos Jogos.

 

Com informações da Norceca e FIVb

Foto: FIVb

[Pré-olímpico] Rússia para Ngapeth e conquista vaga para a Rio 2016

Jogando pro gasto na 1ª fase, a Rússia chegou a ter a vaga para os Jogos Olímpicos ameaçada, porém reencontrou o bom voleibol e assegurou presença na Rio 2016, onde defenderá o título conquistado diante da seleção brasileira na final épica em Londres 2012. Na final do Pré-olímpico Europeu neste domingo (10), os russos derrotaram os franceses por 1×3 (25×14, 16×25, 23×25 e 21×25). Apesar do revés, a França continua com chances e disputará o Pré-olímpico Mundial que será realizado em maio.

Poloneses comemoram a vitória e vaga no pré-olímpico mundial (Foto: CEV)

Na disputa do 3º lugar e última vaga ao Pré-olímpico Mundial, a Polônia conseguiu buscar forças para empatar a partida e vencer o tie-break diante da Alemanha, frustrando a torcida local. Dominados pelos alemães em boa parte do jogo, os poloneses tiveram match point contra e quase viram o sonho olímpico acabar mais uma vez. Depois de ter a vaga certa nas mãos na Copa do Mundo em 2015, os campeões mundiais conquistaram a última vaga européia para o Pré-olímpico Mundial e continuam na briga olímpica.

A final

Tranquila em quadra, a seleção francesa não teve dificuldades para abrir vantagem de cinco pontos. Com o bloqueio afiado, os campeões europeus abriram 10 pontos de frente (19×9). Com dificuldades para ajustar a defesa, os russos nada podiam fazer para parar os adversários. A equipe de Vladimir Alekno sofreu com os erros e pouca potência no ataque, dando o 1º set aos franceses (25×14).

A Rússia começou bem no 2º set e chegou a abrir quatro pontos (4×8) graças à melhora da equipe na linha de defesa e combinação saque-bloqueio. Com a recepção falhando, o levantador francês Toniutti não conseguia utilizar seus fortes centrais, concentrando as jogadas em Ngapeth e Rouzier. Os russos foram ampliando a vantagem enquanto o número de erros franceses aumentava. Reencontrando a potência nos ataques e com a ajuda de seis pontos de bloqueio, os russos fecharam a parcial em 25×16.

A França começou o 3º set perdida no bloqueio russo (5×8), mas logo conseguiu se recuperar e empatar a partida (8×8). O equilíbrio se manteve durante toda a parcial até que a defesa russa voltou a crescer(17×20). Sentindo a pressão adversária, os franceses não mostravam a vibração de sempre e aos poucos foram caindo de rendimento, principalmente o ponteiro Ngapeth que parou no bloqueio adversário em mais de uma oportunidade (19×22). A França chegou a encostar novamente, mas o ponteiro Berezhko fechou o set em 23×25 para a Rússia.

Precisando da vitória no 4º set para ter chances de vencer a partida, os franceses voltaram tensos para a partida. Confiantes, os russos continuaram forçando o saque e tirando a primeira bola francesa, o que facilitou a cobertura defensiva e aproveitamento nos contra-ataques (3×6). Com Berezhko e Mikhaylov com bom aproveitamento, a Rússia manteve o ritmo e chegou à primeira parada técnica com três pontos de frente (5×8). Com a recepção sofrendo com os saques adversários, os franceses viram a Rússia ampliando a vantagem (14×19). Dominante nos bloqueios, os russos fecharam a partida com bloqueio duplo de Grankin e Volkov em cima de Lyneel.

Fotos: CEV

[Pré-olímpico] No Europeu, semifinais agitam o sábado; na Norceca, Canadá e Cuba vencem na estreia

Após a vitória por 3×2 para cima dos poloneses, a seleção alemã terminou como líder do Grupo A e enfrenta a Rússia por uma vaga na final do Pré-olímpico Europeu neste sábado (9). Sede do torneio, a Alemanha está invicta na competição assim como a seleção da França que faz a segunda semifinal contra a Polônia.

O torneio dá vaga direta para a Rio 2016 ao campeão, enquanto os 2º e 3º colocados ganham nova chance para disputar os Pré-olímpicos Mundiais. As partidas do Pré-olímpico Europeu serão transmitidas pelo site LaolaTV.

Sem surpresas no Canadá

Canadá e Cuba começaram a disputa do Pré-olímpico da Norceca com vitória contra México e Porto Rico, respectivamente. A seleção canadense abriu a rodada com o triunfo por 3×0 (25×19, 25×23 e 25×16) em cima dos mexicanos, dando o primeiro passo para encerrar os 24 anos de ausência em Jogos Olímpicos.

Na segunda partida da noite de sexta-feira (8), Cuba venceu Porto Rico também por 3×0 (25×22, 25×20 e 33×31). Na rodada de hoje, os canadenses pegam os porto-riquenhos, enquantos os cubanos enfrentam os mexicanos.

Sexta-feira, 08/01
Canadá 3 x 0 México
Cuba 3 x 0 Porto Rico

Sábado, 09/01
Canadá x Porto Rico
Cuba x México

Domingo, 10/01
Porto Rico x México
Canadá x Cuba

Com infomações da CEV, Norceca e FIVb
Fotos: CEV