[Copa Brasil] Cruzeiro, Taubaté e Sesc avançam às semifinais

Quase ninguém viu, mas na noite de ontem (9), EMS Taubaté Vôlei, Sada Cruzeiro e Sesc-RJ venceram suas partidas e avançaram às semifinais da Copa Brasil 2018. As três equipes se juntarão ao Sesi-SP, anfitrião da fase decisiva, para finais nos dia 25 e 27 de janeiro.

Atual campeão, Taubaté recebeu o Minas Tênis Clube no interior de São Paulo e venceu por 3×1 (19×25, 25×22, 25×21, 26×24). “Jogamos muito bem, apesar de alguma irregularidade em alguns momentos. Mas acho que ganhar era o mais importante. Acredito que essa vitória nos dá muita confiança. O clima no grupo está muito bom, estamos trabalhando forte. A folga de Natal foi importante para descansar e nos recuperar fisicamente, e para a sequência da Superliga no sábado, vamos chegar muito bem”, comentou o central argentino Sebastian Solé.

IMG_2173.jpgEm Contagem, o Sada Cruzeiro suou para vencer o Vôlei Renata. A partida, que foi decidida no tie-break, foi a primeira dos cruzeirenses depois de mais 20 dias sem atuar. “Era importante para nós entrar em campo hoje e jogar bem. Foi um primeiro set muito rápido e jogamos bem. No segundo set eles passaram a jogar melhor e não conseguimos manter o ritmo que fazemos normalmente. Eles começaram a bloquear, a defender muito e também contra-atacaram bem. E nós tivemos dificuldade para virar. No quarto set melhoramos o nosso saque e contra-ataque e passamos a rodar mais. O importante foi que conseguimos reverter um placar adverso, mantivemos o ritmo e conseguimos sair com essa vitória e a classificação. Foi muito bom também ver o apoio da nossa torcida, que não parava de cantar e incentivar muito a nossa equipe”, afirmou o central cubano Simon.

Estreantes na competição, Sesc-RJ e Corinthians-Guarulhos se enfrentaram no ginásio do Tijuca Tênis Clube e os donos da casa saíram com a vitória por 3×0, parciais de 26×24, 25×17 e 25×20. “Estar entre os quatro melhores já era um dos nossos sonhos e agora é trabalhar bem para chegar na semifinal e jogar bem. Essa fase tem tudo para ser uma prévia do play-off da Superliga e o nosso desejo é ter condições de jogar de igual para igual com essas grandes equipes”, disse Giovane Gávio, treinador da equipe carioca.

COPA BRASIL 2018 – MASCULINA

Fase classificatória – 09.01.2018

Sada Cruzeiro 3 x 2 Vôlei (25/15, 24/26, 21/25, 25/22 e 15/9)
Sesc RJ 3 x 0 Corinthians-Guarulhos (26/24, 25/17 e 25/20)
EMS Taubaté Funvic 3 x 1 Minas Tênis Clube (19/25, 25/22, 25/21 e 26/24)

Semifinal

25.01 (QUINTA-FEIRA) – Vencedor do 1º x 6º x Vencedor do 2º x 5º, às 17h30, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)
25.01 (QUINTA-FEIRA) – Sesi-SP x Vencedor do 3º x 4º, às 20h, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)

Final

27.01 (SÁBADO) – Vencedor do jogo 4 x Vencedor do jogo 5, às 21h30, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV

Com informações do EMS Taubaté Vôlei, Sada Cruzeiro e CBV
Foto interna: Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Anúncios

[Superliga] Sada segue líder e Minas supera o Sesi; confira todos os resultados

Atual campeão, o Sada Cruzeiro foi ao sul do país enfrentar o Lebes Canoas na abertura da 5ª rodada do turno da Superliga Masculina 2017/2018 e saiu com mais uma vitória no início da noite de ontem (8). O triunfo por 3×1 (25×22, 25×17, 22×25, 25×13) foi o sexto em sete partidas disputadas pela equipe mineira, que antecipou alguns confrontos em decorrência de sua participação no Mundial de Clubes no próximo mês. “Foi um jogo difícil, como todos têm sido nessa Superliga. A nossa equipe ainda não está no nível mais alto que pode chegar por um desgaste de viagens, jogos, treinamentos pesados e isso conta um pouco nessa possível queda de rendimento que temos sofrido. Mas, foi um jogo bonito e valeu para quem assistiu aqui o ginásio ou pela televisão”, disse o levantador cruzeirense Cachopa.

minas-sesi-orlandobento.pngOutro mineiro que comemorou mais uma vitória foi o Minas Tênis Clube que, diante de sua torcida, passou pelo Sesi-SP também por 3×1. “O troféu de melhor em quadra fica pequeno perto da garra e do comprometimento que essa equipe tem. Hoje, sacamos bem e passamos bem. Buscamos sempre algo maior, nosso crescimento individual e também como equipe. Temos nos fortalecido cada vez mais. E, quando jogamos na Arena, nos sentimos mais poderosos, com o apoio da torcida e das pessoas que gostam de voleibol. Procuramos sempre fazer o melhor”, comemorou o levantador Marlon.

Montes Claros e JF Vôlei, que esteve desfalcado do oposto Emerson, perderam na rodada para Vôlei Renata e EMS Taubaté Funvic, respectivamente. Destaque do Taubaté na partida e eleito melhor do jogo, o ponteiro Ruiz ressaltou os perigos de se entrar em quadra contra uma equipe como a de Juiz de Fora. “Em um jogo contra uma equipe mais frágil, é natural que a equipe entre mais relaxada, e passe a impressão de não estar jogando tão bem. Mas hoje nós soubemos levar a partida com total controle, e foi importante que os jogadores que vinham atuando menos, pudessem estar em quadra por mais tempo”, analisou.

Em Maringá, os donos da casa foram superados pelo Corinthians-Guarulhos e, também fora de casa, o Sesc-RJ fez 3×0 no Ponta Grossa Caramuru.

Superliga Masculina 2017/2018 – 5ª rodada turno – 08.11.2017

Lebes Canoas 1 x 3 Sada Cruzeiro (22×25, 17×25, 25×22, 13×25)
Copel Telecom Maringá Vôlei 0 x 3 Corinthians-Guarulhos (24×26, 21×25, 18×25)
EMS Taubaté Funvic 3 x 0 JF Vôlei (25×16, 25×18, 25×20)
Ponta Grossa Caramuru 0 x 3 Sesc-RJ (15×25, 19×25, 15×25)
Minas Tênis Clube 3 x 1 Sesi-SP (20×25, 25×23, 25×21, 25×22)
Montes Claros Vôlei 1 x 3 Vôlei Renata (25×22, 15×25, 17×25, 23×25)

Com informações da CBV, EMS Taubaté Funvic e Minas Tênis Clube.
Foto destaque: Fernando Potrick | Gama
Foto interna: Orlando Bento/MTC

 

Rodada cheia na abertura da Superliga 2017/2018

A espera acabou: a temporada 2017/2018 da Superliga Masculina começa hoje (14) e com rodada cheia. Com transmissão da RedeTV e do Sportv, o Sesc-RJ, estreante na competição, recebe o EMS Taubaté Funvic, vice-campeão da Superliga na temporada passada, para a partida de abertura. O encontro está marcado para às 14h no ginásio do Tijuca Tênis Clube, na capital fluminense.

O grande duelo da rodada encerra o dia no Parque São Jorge, onde o Corinthians-Guarulhos faz sua primeira partida na elite contra o atual campeão Sada Cruzeiro. O clássico dos campos, agora nas quadras de vôlei, começa às 20h e terá transmissão do Sportv. Confira a tabela:

Superliga Masculina 2017/2018 – 1ª rodada – Turno

14h05 – Sesc RJ Vôlei x EMS Vôlei Taubaté Funvic (REDE TV e SPORTV)
18h – Lebes Gedore Vôlei Canoas x Montes Claros Vôlei
18h – JF Vôlei x Minas Tênis Clube – Fan Page Oficial
18h30 – Copel Telecom Maringá Vôlei x Sesi SP Vôlei
20h – Ponta Grossa Caramuru Vôlei x Vôlei Renata
20 h – Corinthians-Guarulhos x Sada Cruzeiro Vôlei (SPORTV)

[Supercopa] Três edições, três vezes Sada Cruzeiro

Fortaleza viu, na noite de ontem (11), o que o duelo entre Sada Cruzeiro e EMS Taubaté Funvic promete para a Superliga 2017/2018. Em uma partida bastante disputada e equilibrada, os mineiros conquistaram pela terceira vez a Supercopa ao vencer por 3×1 (25×27, 25×22, 25×20, 25×22). O ponteiro Leal (Sada Cruzeiro) e o oposto Wallace (EMS Taubaté Funvic) dividiram o posto de maiores pontuadores, ambos com 18 acertos.

supercopafortal025.jpgMesmo não superando o Cruzeiro, já é possível ver a evolução da equipe de Taubaté após a chegada do treinador Daniel Castellani e dos reforços dentro de quadra, como o ponteiro Dante, o central Solé e o líbero Thales. “No primeiro set conseguimos deixar o adversário em dificuldades, forçando bem o saque, variando o saque também. E ao longo do jogo nós não conseguimos manter esse padrão. Eles cresceram e reverteram, passaram a ditar o jogo. Mas foi um bom teste, mostra que temos um time forte e que pode melhorar ainda mais para essa Superliga, que será um campeonato longo e difícil”, comentou o levantador Rapha.

Superliga começa no próximo sábado

Campeão estadual, o Sada levantou o segundo troféu na temporada 2017/2018 e em menos de dois meses terá mais um desafio: defender o título do Mundial de Clube na Polônia. Enquanto o desafio internacional não chega, os cruzeirenses já estão de olho na estreia na Superliga no dia 14 de outubro, contra os novatos do Corinthians-Guarulhos, que já fizeram história no Campeonato Paulista em sua primeira participação. “Ganhamos o Mineiro no fim de semana e agora essa Supercopa, que é para mim o primeiro título nacional. Fico muito feliz de seguir melhorando, crescendo com todo esse grupo maravilhoso. Temos que conseguir manter esse nível alto o máximo que conseguirmos. Agora é colocar a cabeça na Superliga, para iniciarmos a competição da melhor maneira. Estou muito feliz de defender esse time ganhador”, disse o levantador cruzeirense, Nico Uriarte. A estreia da Raposa e do Timão será transmitida pelo SporTV, ao vivo, às 20h.

Também sem tempo para pensar em descanso após o título paulista e o 2º lugar na Supercopa, o Vôlei Taubaté estreia na Superliga contra o SESC-RJ na capital carioca, às 14h, no sábado (14), com transmissão da RedeTV e do SporTV.

Com informações do EMS Taubaté Funvic e Sada Cruzeiro.
Fotos: Jarbas Oliveira/MPIX/CBV

[Paulista] Taubaté conquista o tetra em grande duelo de cinco sets contra o Corinthians

Noite de sábado (7) com ginásio lotado em Guarulhos para a segunda partida final do Campeonato Paulista 2017 e a EMS Funvic Taubaté teve que suar para vencer os donos da casa e a torcida. Em um emocionante 3×2 (21×25, 25×19, 21×25, 26×24, 15×12), a equipe do Vale do Paraíba conquistou seu quarto título da competição.

22255122_886442861531971_7971246223557456152_o.jpgEstreando no comando da equipe do Vale do Paraíba, o argentino Daniel Castellani elogiou a luta do adversário. “Muito bonita a final. Tivemos de tudo: bom jogo, erros, jogadas espetaculares e muita emoção. Mesmo não jogando bem, não perdemos a cabeça e conseguimos mais um título. O Corinthians-Guarulhos valorizou nossa vitória e também está de parabéns”, disse.

Mesmo com a festa frustrada, a torcida do Corinthians-Guarulhos fez coro para cantar o hino do clube após a partida. “Foi bonito, né? Acho que começamos um projeto muito legal e que tem tudo para crescer ainda mais. Não chegamos ao título, mas fomos vencedores também”, comentou o idealizador do projeto e bicampeão olímpico Serginho.

O jogo

Com o torcedor transformando o Ginásio da Ponte Grande em um caldeirão, o Corinthians começou a partida forçando bastante o saque, ajudando seu bloqueio a marcar as jogadas do Taubaté. Cometendo muitos erros, os visitantes não conseguiram efetividade para superar a defesa corintiana. Em 24 minutos, o Corinthians-Guarulhos fez 25×21 e 1×0 na partida.

Confiantes, os donos da casa começaram a segunda parcial e chegaram a abrir cinco pontos no placar. Porém, a EMS Taubaté Funvic reagiu ainda na primeira metade do set e reequilibrou o duelo. Na reta final, o Taubaté passou à frente e, com o ataque mais eficiente, manteve a liderança e levou o set em 25×19.

22255089_886441831532074_5194067529781113705_o.jpgPressionados, os corintianos não começaram bem o 3º set e logo viram os adversários abrirem vantagem no marcador. Porém, com a torcida entoando o nome do veterano Rivaldo, o Corinthians respondeu o chamado e incendiou o jogo. Mais eficiente nos contra-ataques, os locais fecharam a parcial em 25×21 e jogaram a pressão para o outro lado.

Em desvantagem no marcador, o Taubaté veio com tudo no 4º set, mas o Corinthians não deixou barato. Com as equipes trocando pontos, o set só foi decidido na vantagem mínima a favor de Taubaté (26×24), que contou com uma estratégia de saque mais organizada e os erros dos adversários.

Mantendo o saque concentrado no jovem Fábio, Taubaté conseguiu ficar com o jogo na mão. Os atacantes de Taubaté não decepcionaram quando acionados pelo levantador Rapha, que fez um belo trabalho na final – assim como o levantador do Corinthians, Rodrigo. Mesmo em desvantagem, os corintianos buscaram o jogo, porém pararam no bloqueio de Taubaté. Após 2h20 de partida, a EMS Taubaté Funvic fechou o tie-break em 15×12 e levantou o troféu do estadual pela quarta vez.

Com informações da Federação Paulista de Volleyball e EMS Funvic Taubaté
Foto destaque: Federação Paulista de Volleyball
Fotos internas: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic

Com novidades, Superliga 2017/2018 já tem tabela definida

Representantes dos 12 times participantes da Superliga se reuniram com os dirigentes da CBV na tarde desta quarta-feira (23) para definição da tabela e regulamento da competição nacional. Com início marcado para o dia 14 de outubro, a Superliga proxima-edicao-tem-tabela-e-regulamento-definidos.jpgMasculina chega com novidades, entre elas o fim da decisão em jogo único após nove temporadas de muitas críticas em relação ao formato. Dessa maneira, as duas partidas que definirão o título também deixam de ser em “campo neutro” com mando da CBV. Além da final em dois jogos e desempate no golden set (o que já vimos no Campeonato Paulista), as quartas de final serão em melhor de três jogos e as semifinais em melhor de cinco. O regulamento, ao contrário da tabela, ainda não está disponível no portal da Confederação.

Nesta temporada temos o retorno de Castro e os acessos de Sesc-RJ, vencedor da Superliga B, e Corinthians, campeão da Taça Ouro. Com a desistência do Bento Vôlei, o Castro herdou a última vaga como 2º colocado na Taça Ouro. As 12 equipes participantes desta edição são: de Minas Gerais, Sada Cruzeiro, Montes Claros Vôlei, Minas Tênis Clube e JF Vôlei; de São Paulo, EMS Funvic Taubaté, Sesi-SP, Vôlei Renata (antigo Brasil Kirin) e Corinthians Guarulhos; do Paraná, Copel Telecom Maringá Vôlei e Caramuru Castro; do Rio de Janeiro, Sesc-RJ; e do Rio Grande do Sul, Lebes Gedore Canoas.

Com início no dia 14 de outubro, a Superliga 2017/2018 tem previsão de término no dia 6 de maio de 2018. Clique aqui para conferir a tabela completa da competição masculina.

Superliga Masculina 2017/2018
1ª Rodada – TURNO 14.10.2017

18h – Sesc-RJ x EMS Funvic Taubaté
18h – Caramuru Castro x Vôlei Renata
18h – Lebes Gedore Canoas x Montes Claros Vôlei
18h – JF Vôlei x Minas Tênis Clube
18h30 – Copel Telecom Maringá Vôlei x Sesi-SP
20h – Corinthians Guarulhos x Sada Cruzeiro

Com informações da CBV.
Foto destaque: Lucilia Bortone/Sacandoovolei
Foto interna: Roberto Casimiro – Fotoarena

[Superliga] Taubaté passa por Juiz de Fora e encara o Sesi na semi

Só falta um semifinalista a ser conhecido na Superliga 2016/2017. No início da noite de ontem (27), a Funvic Taubaté superou a jovem equipe do JF Vôlei por 3×0 (25×21,25×18, 25×14), e ficou com a terceira vaga nas semifinais da competição nacional. Com o saque afiado e bela atuação do levantador Rapha, o Taubaté aproveitou o baixo rendimento do oposto Renan, do JF Vôlei, e levou a série quartas-de-final em três jogos a zero. Na semifinal, o time do interior de São Paulo enfrenta o Sesi-SP.

Em entrevista ao Sportv após o jogo, o ponteiro Lucarelli avaliou o desempenho da equipe contra o JF Vôlei. “Dos quatro jogos que fizemos em sequência contra JF Vôlei (o último da fase classificatória e os três dos playoffs pelas quartas de final), o de hoje foi o melhor disparado. Nosso contra-ataque foi muito bom, e esse era um ponto que precisávamos evoluir. Temos que ter um jogo desse como parâmetro e tentar sempre melhorar”, disse Lucarelli, eleito melhor em quadra na última partida das quartas-de-final.

Apesar da eliminação, o JF Vôlei sai competição com sua melhor temporada na conta desde que chegou à elite do voleibol brasileiro, em 2011. Contando com atletas e parte da CT vindos da parceria com o Sada Cruzeiro, o Juiz de Fora já pensa no futuro. “Foi uma campanha histórica para o esporte de Juiz de Fora. Não é fácil conseguir doze vitórias – é só pegar as estatísticas dos últimos anos e analisar. Lembrando que vencemos seis partidas no tie-break, que poderiam ter mudado nossa história caso terminassem de outra forma. O sucesso veio com muita luta. Viemos batalhando por isso há quase dez anos. Já estamos na rua em busca da viabilização da temporada 2017/18. Agora, precisamos aumentar significativamente o nosso aporte financeiro para jogar uma Superliga de maneira digna também fora de quadra. A partir de hoje, esta é a nossa batalha”, disse o diretor técnico e idealizador do projeto, Maurício Bara.

Sada aguarda definição do adversário

Sem dificuldades para fechar a série em três a zero diante do Lebes Gedore Canoas, o Sada Cruzeiro aguarda a definição do confronto entre Vôlei Brasil Kirin e Montes Claros Vôlei. Os paulistas lideram por 2×0 e podem fechar a conta na próxima quinta-feira (30), em Campinas.

SUPERLIGA MASCULINA 16/17

Quartas de final

Terceira rodada

25.03 – Sada Cruzeiro 3 x 1 Lebes/Gedore/Canoas (25/16, 25/18, 21/25 e 25/19)

26.03 – Sesi-SP 3 x 0 Minas Tênis Clube (25/22, 25/20 e 25/22)

27.03 – Funvic Taubaté 3 x 0 JF Vôlei (25/21, 25/18 e 25/14)

30.03 (QUINTA-FEIRA) – Vôlei Brasil Kirin (SP) x Montes Claros Vôlei (MG), às 21h55, no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP) – REDETV e no SporTV.com

 

Com informações da CBV e JF Vôlei