[Superliga] Paulo Roese não é mais o treinador da Voleisul

Dois dias após a derrota para o lanterna JF Vôlei, a Voleisul/Paquetá Esportes não terá Paulo Roese como treinador para o restante da temporada. A decisão pelo desligamento foi tomada em conjunto entre Roese e a diretoria da equipe. Reinaldo Bacilieri, até então auxiliar de Roese, assumirá o comando da Voleisul.

Na próxima quarta-feira (13), a equipe tem confronto decisivo pela Copa Brasil contra o Funvic/Taubaté e no sábado (16) pega o Sada/Cruzeiro, fora de casa, pela Superliga.

Com informações da Assessoria de Impresa da Voleisul/Paquetá Esportes

Vitória importante, derrota amarga

por Lucilia Bortone

Hugo (15) foi um dos destaques da Voleisul

Hugo (15) foi um dos destaques da Voleisul (Foto: Lucilia Bortone/Sacandoovolei)

No confronto direto entre Vôlei UFJF (MG) e Voleisul/Paquetá (RS) quem levou a melhor foi o time gaúcho. Na casa dos adversários, o Voleisul saiu de Juiz de Fora com uma vitória sonora por 3×0 (18×25, 17×25, 29×31).

Vindo de uma vitória em cima do Montes Claros, a UFJF estava confiante no resultado, mas não conseguiu se organizar em quadra e a recepção acabou minada pelos saques do Voleisul. Do lado gaúcho, cinco ex-jogadores da UFJF e um deles, o central Satiro, foi eleito o melhor em quadra e recebeu o troféu Viva Vôlei. O ponteiro Sérgio, da UFJF, foi o maior pontuador da partida com 13 pontos.

Insatisfeito com a postura da equipe, o técnico da UFJF, Chiquita, falou após a partida. “Perdemos o jogo em erros técnicos. A nossa estratégia de jogo não foi cumprida dentro de quadra. Nossos centrais não jogaram e todos os jogadores começaram a ficar irritados com a nossa situação de jogo. Perderam a paciência”, avaliou.

Com nove pontos, a Voleisul é agora a sexta colocada na Superliga. Feliz com a vitória, Paulo Roese, treinador da equipe de Novo Hamburgo, sabia que a partida seria difícil. “Nós sabíamos que ia ser assim, um jogo dificílimo contra uma equipe super qualificada que vinha num crescimento enorme. Respeitamos muito eles, mas foi uma vitoria importantíssima para nós”, disse. Para Roese, ex-levantador da seleção brasileira, contar com ex-jogadores da UFJF na equipe deu uma motivação a mais e o grupo ainda tem muito a mostrar na Superliga. “São jogadores diferenciados e que felizmente estão do nosso lado hoje. É um time muito bacana e a gente vai surpreender muita gente ainda”, completou.

Continuar lendo