Sada/Cruzeiro e Sesi vencem primeiro jogo das semifinais

Atuais campeões da Superliga, os mineiros do Sada/Cruzeiro venceram o primeiro jogo da semifinal contra o Minas por 3×1 (25×23,26×24,23×25 e 25×21). Wallace e Leal, ambos do Cruzeiro, dividiram o posto de maior pontuador da partida com 18 pontos cada um. O ponteiro Filipe recebeu o troféu Viva Vôlei. A segunda partida entre Cruzeiro e Minas será na segunda-feira, 30, na Arena Minas, às 18h30. Em caso de vitória dos donos da casa, a terceira partida da melhor de três será no dia 4 de abril.

 

 _ Sada/Cruzeiro é o atual campeão da Superliga. ( Foto: Lucilia Bortone)

_ Sada/Cruzeiro é o atual campeão da Superliga.
( Foto: Lucilia Bortone)

Do lado paulista, Sesi-SP levou a melhor, fora de casa, contra o Funvic/Taubaté também em quatro sets (25/21, 27/25, 28/30 e 25/19). O central Lucão foi eleito o melhor da partida. Na terça-feira, 31, o Sesi recebe o Taubaté, na Vila Leopoldina, com a esperança de fechar a conta da semifinal e garantir mais uma final da Superliga.

CBV divulga seleção do 1º turno da Superliga

por Luara Herédia

 

          Após 11 rodadas, neste domingo, 14, chegou ao fim o primeiro turno da Superliga Masculina 2014/2015. Com 12 times na disputa, o atual campeão Sada/Cruzeiro mesmo perdendo a invencibilidade para o SESI na  última rodada, se manteve no topo. Porém, a equipe de Taubaté segue na cola do líder com 29 pontos, um a menos que os mineiros.

       Com o fim da primeira fase da competição, a Confederação Brasileira de Vôlei(CBV) divulgou nesta segunda- feira, 15, a seleção do campeonato.  Confira abaixo:

Levantador: William – Sada/ Cruzeiro

Oposto: Wallace – Sada/ Cruzeiro

Centrais: Riad – SESI e Victor Hugo – UFJF

Ponteiros: Lipe -Taubaté e Leal- Sada/Cruzeiro

Líbero: Lucianinho- Minas Tênis Clube

 _ Foto: (Reprodução Confederação Brasileira de Vôlei - CBV)


_ Foto: (Reprodução Confederação Brasileira de Vôlei – CBV)

Confira a classificação após o fim do 1º turno

 ( Foto: Reprodução Confederação Brasileira de Vôlei- CBV)

( Foto: Reprodução Confederação Brasileira de Vôlei- CBV)

 

SUPERLIGA 2012/ 2013 ( SEMIFINAL)- VIVO/ MINAS provoca o terceiro jogo no duelo contra RJX

por Luara Herédia

           

                O SADA/ CRUZEIRO já está na final da SUPERLIGA, mas o time mineiro vai precisar esperar o terceiro jogo das semifinais entre RJX x VIVO/ MINAS, para saber quem será seu adversário. No primeiro jogo entre essas duas equipes, a vitória foi para o RJX por 3 sets a 2, um dos melhores jogos dessa edição da competição. No segundo confronto, em Belo Horizonte, o time mineiro venceu pela primeira vez o RJX nessa temporada.  Para a equipe minastenista era vencer e continuar na competição e foi isso que aconteceu, impulsionada pela torcida que lotou o ginásio do Minas Tênis Clube. Dentro de quadra o time apresentou   muito volume de jogo e não  deu chances para o adversário. Vitória por 3 x 0. Parcias de 25 x 21, 27 x 25 e 25 x20.

           Pelo lado do RJX, insatisfeito com o seu time, o técnico Marcelo Fronckowiak tirou no decorrer da partida o central Lucão, um dos responsáveis pela vitória no primeiro duelo. As duas equipes voltam a se enfrentar, no ginásio do Maracanãzinho na próxima sexta- feira.

Imagem

                                         FOTO: CBV

 

O JOGO:

                O Minas foi para o jogo com o levantador Marcelinho e o oposto Filip contundidos( Marcelinho não treinou durante a semana). Filip fez o primeiro ponto do jogo. No erro de jogada do Minas, o jogo ficou empatado: 1 x 1. O oposto Théo cometeu os dois toques e o juiz parou a jogada e deu ponto para o time mineiro: 3 x 2. Após saque forçado de Filip, o ponteiro Lucarelli marcou : 5 x 3, Minas. No primeiro tempo técnico a equipe do VIVO/ MINAS tinha o dobro de pontos do adversário: 8 x 4. As duas equipes forçavam muito o saque e com isso cometiam muitos erros.  Após rally, o RJX diminuiu a diferença do placar com Dante: 9 x 7.  O ponteiro do RJX foi para o saque e conseguiu um ace: 10 x 9, Minas. Lucarelli, pelo meio fundo  fez: 12 x 10 para o time da casa. Théo, no ponto de saque deixou tudo igual no set: 12 x 12. Filip, com um ace deu a vantagem de dois pontos para a equipe minastenista: 14 x 12. Lucarelli, pela entrada de rede ampliou a vantagem do placar para três pontos: 15 x 12, o técnico do RJX, Marcelo Fronckowiak, parou a partida. Na bola de segunda  de Marcelinho, o placar era  16 x 13 a favor do time mineiro.

                Henrique, no bloqueio aumentou para quatro pontos a vantagem mineira : 17 x 13. Após erro de jogada da equipe carioca, Fronckowiak parou novamente o jogo: 19 x 14, Minas. Thiago Alves , na jogada fundo- meio diminuiu a desvantagem no placar:  19 x 16, Minas.  Horacio Dileo pediu tempo.  Após erro de recepção, o  levantador Bruninho  cometeu infração, dando um ponto de graça para o adversário: 21 x 16.  Guilherme e Da Silva entraram no time carioca no lugar de Théo e Bruno. O bloqueio triplo do RJX , parou o ataque de Filip: 23 x 20, Minas. Lucarelli fez o Minas voltar a pontuar: 24 x 20. Da Silva marcou para o RJX: 24 x 21.  NO erro de saque do adversário, o Minas fechou o primeiro set: 25 x 21.

 2º set

                O RJX marcou o primeiro ponto do set no erro de saque do adversário. O Minas passou na frente no erro do oposto Théo: 2 x 1. No bloqueio com Dante , o RJX assumiu o placar: 3 x 2. Quiroga abriu dois pontos de vantagem para o time da casa : 5 x 3. O  time do RJ empatou o set  no erro da equipe mineira: 5 x 5. Thiago Alves, explorando o bloqueio colocou a equipe carioca na frente: 7 x 6. No primeiro tempo técnico o placar era: 8 x 7 para o o RJX.  Théo, marcou o décimo ponto do time carioca: 10 x 9. Maurício colocou o Minas na frente do placar: 11 x 10. No erro do central Lucão, o  VIVO/ MINAS abriu dois pontos :13 x 11, provocando um pedido de tempo do técnico do RJX.  Na largadinha, Quiroga  marcou mais um ponto para o Minas  14 x 12. Na segunda parada técnica o placar era 16 x 14 para o time da casa.

                 No contra-ataque, Riad marcou para a equipe carioca: 16 x 15, Minas. No erro de recepção de Lucareli, o ponto foi do RJX 17 x 16. No bloqueio de Dante, o set ficou empatado: 17 x 17, o técnico Horacio Dileo, gastou o tempo técnico. No ace de Bruninho, o RJX passou na frente do placar: 19 x 18. O Minas errou o ataque e na sequência foi parado pelo bloqueio carioca, com isso os visitantes abriram três pontos: 21 x 18.  Empurrado pela torcida, o VIVO/ MINAS  empatou o set: 21 x 21. No saque de Lucarelli,  o Minas passou na frente 22 x 21.  O levantador Bruninho cometeu os dois toques e o Minas  e abriu dois pontos: 23 x 21. O líbero do Minas errou o levantamento  23 x 22, Minas.  Após saque de Lucão, o jogo ficou novamente empatado: 24 x 24. Quiroga desperdiçou a bola do set e o jogo seguiu empatado 25 x 25. Filip deu a vantagem para o Minas: 26 x 25. Lucarelli no contra-ataque  fechou o set em 27 x 25.

         3º set

                     O set começou no erro de saque de Lucão: 1  x0. O central Maurício cometeu os dois toques e o jogo ficou empatado: 1 x 1. As duas equipes erravam muitos saques e o set seguia empatado: 4 x 4. Filip, colocou o time mineiro na frente de novo: 6 x 5. Thiago Alves, errou o ataque e o time da casa abriu dois pontos: 7 x 5. No tempo técnico o placar era:  8 x 6 para o VIVO/ MINAS. O técnico Marcelo Fronckowiak, tirou o central Lucão e colocou UAllas.  O central Henrique no ace ampliou a vantagem mineira:  10 x 6. O técnico da equipe carioca parou o jogo. Após erro de jogada do Minas, o RJX encostou no marcador: 11 x 9. Henrique, no bloqueio simples parou o ataque carioca: 14 x 10. No  segundo tempo técnico o placar era 16 x 13, VIVO/ MINAS.

                Lucarelli, no contra-ataque marcou mais um ponto para o time mineiro: 17 x 13. O ponteiro argentino Quiroga caiu na quadra sentindo dores  e deixou a partida. O ponteiro Samuel Fuchs entrou no lugar.  Lucarelli, na paralela fez 19 x 15, Minas. Da Silva, na bola de xeque marcou para o time carioca: 19 x 16. Na bola de segunda, Marcelinho fez 22 x 19.  Dante, diminuiu o placar: 23 x 20.  No ace de Henrique o Minas fechou o set em 25 x 20 e o jogo por 3 sets a 0. O troféu Viva Vôlei de melhor da partida foi para o ponteiro de 21 anos, Ricardo Lucarelli.

   VIVO/ MINAS:  Henrique e Mauricio( centrais), Lukinha (líbero) Marcelinho( levantador), Filip( oposto) , Quiroga e Lucarelli (ponteiros) .Técnico: Horacio Dileo

ENTRARAM: Evandro

RJX: Riad e Lucão( centrais), Mário Júnior(líbero),Bruno( levantador), Théo( oposto)  Thiago Alves e  Dante ( ponteiros). Técnico: Marcelo Fronckowiak

ENTRARAM:  Guilherme, Da Silva, Uallas