[Superliga] Veja os resultados da sétima rodada

Na abertura da 7ª rodada, o Montes Claros (MG) venceu o Brasil Kirin (SP), de virada, por 3 sets a 1(21×25, 25×17, 25×18 e 25×22), em 2h2min, quebrando a invencibilidade de outra equipe, já que na rodada anterior, o time mineiro havia derrotado o Funvic Taubaté (SP), que também estava invicto até enfrentar MOC. Em ótima fase, o oposto Luan Weber foi o maior pontuador, com 22 pontos, porém, o troféu VivaVôlei ficou com o líbero Gian, que fez defesas espetaculares ao longo do confronto.

Fora de casa, o Sada Cruzeiro (MG) bateu o Bento Vôlei Isabela (RS) por 3 sets a 0, parciais de (14×25,25x27e18x25), em 1h21minutos. Essa foi a sétima vitória dos cruzeirenses, que se isolaram na liderança da competição, e agora é a única equipe invicta na Superliga Masculina. O central cubano Simón foi eleito o melhor jogador da partida.

No confronto de mineiros da rodada, o Minas Tênis Clube recebeu o JF Vôlei na Arena JF, em Belo Horizonte, e foi superado pelos visitantes por 3 a o, parciais de (24×26,25×27 e 20×25), em 1h41minutos de partida. O central Bruno recebeu o troféu Viva Vôlei.  Com mais esse resultado positivo, Juiz de Fora chegou à quinta vitória consecutiva, superando a melhor sequência da equipe em seis anos disputando a Superliga.

Fora de casa, o São Bernardo (SP) venceu a segunda na competição e entrou na zona de classificação para os playoffs. O time paulista venceu o Copel Telecom Maringá (PR) por 3 sets a 1 (25×23, 25×22, 19×25 e 25×18), entrando no G8, zona de classificação para a próxima fase da competição.  O central Wennder saiu do banco de reservas para ajudar sua equipe, somou 17 pontos, sendo sete de bloqueio, e ganhou o VivaVôlei.

No duelo entre equipes que ainda não tinham conquistando vitórias, o Lebes Gedore Canoas (RS) saiu de quadra com o primeiro triunfo ao superar o Caramuru Castro (PR), de virada, por 3 sets a 1, parciais de (21×25, 25×20, 25×20 e 25×21), em 2horas e 01 minuto. Com nove pontos, sendo quatro em saques, o central Giovanni foi eleito o melhor jogador da partida.

No último jogo da rodada, o confronto SESI (SP) e Funvic Taubaté (SP) reuniu sete campeões olímpicos em quadra no ginásio da Vila Leopoldina e era o duelo mais esperado da rodada. Porém, com um saque arrasador, o time do Sesi não deu chances ao adversário e venceu por 3 a 0, parciais de (25×23,25×18 e 25×18), em 1he 30minutos. Com 14 pontos, o ponteiro Douglas Souza saiu de quadra como o melhor jogador da partida.

[Foto: Reprodução Facebook  Sesi SP)

 

Anúncios

[Superliga] Os visitantes levaram a melhor em todos os confrontos da 5ª rodada; confira os resultados

O mando de campo não foi um ponto diferencial nesta quinta rodada, em todos os seis jogos da quinta rodada da Superliga Masculina os visitantes levaram a melhor sobre os anfitriões. O Sada Cruzeiro (MG), atual campeão, segue invicto e na liderança isolada da competição; Brasil Kirin (SP) e Funvic Taubaté (SP) também ainda não perderam e seguem a caça ao líder; em jogo conturbado, o São Bernardo (SP) venceu o Caramuru Castro (PR) no tie break e conseguiu o primeiro triunfo na competição. Confira como foi a rodada:

Na partida que abriu a rodada, o Montes Claros (MG) recebeu o SESI (SP) no seu ginásio Tancredo Neves, que teve cinco mil pessoas presentes, recorde de público nesta edição.  Porém, a presença da torcida mineira não impediu que os paulistas saíssem com a vitória por 3 a 1, parciais de (23×25,25×21, 24×26 e 20×25) em 2h05min de jogo. O ponteiro Douglas Souza foi eleito o melhor do confronto.

Copel Telecom Maringá (PR) e JF Vôlei (MG) se enfrentaram no Paraná e os mineiros derrotaram os donos da casa por 3 a 1, parciais de (31×29,25×20,19×25 e 25×12) em 2h06min de partida, conquistando a terceira vitória consecutiva na Superliga. O levantador Rodrigo Ribeiro levou o troféu Viva Vôlei, prêmio entregue ao melhor jogador em quadra.

Com jogo disputado até o fim, o Caramuru (PR) enfrentou o São Bernardo (SP), em partida decidida apenas no quinto set a favor dos paulistas, que conquistaram a primeira vitória no torneio 3 a 2, parciais de (22×25,25×19,24×26,25×15 e 15×12), em 2h11min. No final do jogo houve uma confusão entre as comissões técnicas das equipes que acabou em briga. A confusão foi anotada na súmula e será avaliada pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

Em Canoas (RS), o Lebes Gedore recebeu o Sada Cruzeiro (MG) e foi um mais anfitrião superado pelos visitantes. Foi a quinta vitória do Cruzeiro por 3 a 0, que segue sem perder sets na competição. Parciais de (25×22, 25 x23 e 25×21), em 1h22 de jogo.  O ponteiro cruzeirense Filipe foi escolhido o melhor jogador da partida.

Bento Vôlei Isabela (RS) e Funvic Taubaté (SP) se enfrentaram em Bento, no ginásio Municipal, e os paulistas saíram vitoriosos em sets diretos, 3 a 0, parciais de (25×21,25×20 e 25×23), mantendo a invencibilidade. O central Éder recebeu o prêmio de melhor em quadra.

No último duelo da rodada, o Minas Tênis Clube (MG) enfrentou o Brasil Kirin (SP), na Arena JK, em Belo Horizonte.  Em confronto muito disputado, o time de Campinas se impôs nas horas decisivas e venceu o jogo por 3 a 1, parciais de (28×26, 21×25,25×19 e 25×21).  O líbero Tiago Brendle recebeu o troféu Viva Vôlei.

 Veja a tabela de classificação:

tabela-5

[Foto Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté]

[Superliga] Confira os resultados da rodada e veja como ficou a classificação

A quarta rodada da Superliga Masculina começou na terça-feira de feriado (15), em jogo isolado entre Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) e Sada Cruzeiro (MG), todas as outras partidas foram realizadas no sábado (19). Jogando no ginásio Chico Neto, em Maringá (PR), os visitantes levaram a melhor por 3 a 0, parciais de (25×21,25×22 e 25×23), em 1h30 de partida.  O ponteiro Leal foi o maior pontuador do confronto, com 18 pontos, mas o melhor jogador em quadra foi outro ponteiro celeste, Rodriguinho, que recebeu o troféu Viva Vôlei.

No ginásio Abid Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP), a equipe da casa recebeu o Montes Claros Vôlei (MG) e viu os visitantes levarem a melhor por 3 a 0, parciais de (25/22, 25/21 e 25/19), em 1h23 de jogo. O central da equipe mineira Robinho foi o maior pontuador da partida, com 14 acertos e eleito o melhor jogador do duelo.

 Em jogo muito equilibrado e decidido em um quinto set eletrizante, Vôlei Brasil Kirin (SP) e Lebes/Gedore/Canoas (RS), se enfrentaram no ginásio do Taquaral, em Campinas (SP) e a equipe gaúcha começou melhor e abriu 2 sets a 0, mas viu o time paulista reagir e levar o jogo por 3 a 2, parciais de (21-25, 22-25, 25-17, 25-21 e 19-17). O central Maurício Souza marcou 14 pontos e ganhou o troféu Viva Vôlei.

Em Juiz de Fora, o JF Vôlei (MG) conquistou a primeira vitória em casa. Jogando diante do Caramuru Vôlei/Castro (PR), os mineiros venceram por 3 a 0, parciais de (25×19,25×15 e 25×18). Com 20 pontos, o oposto Renan Buiatti foi o maior pontuador e recebeu o Troféu Viva Vôlei.

O time do Bento Vôlei/Isabela (RS) enfrentou o time do Sesi-SP, no Municipal, em Bento Gonçalves (RS) e o time paulista levou a melhor em sets diretos, 3 a 0, parciais de (25×13, 25×19 e 25×22). O oposto Théo, o ponteiro Douglas e o central Leandro Santos, conhecido como Aracaju, marcaram 12 pontos. O meio de rede foi escolhido o melhor jogador da partida.

Encerrando a rodada, o Funvic Taubaté (SP) recebeu o Minas Tênis Clube (MG) no ginásio do Abaeté e venceu por 3 a 0, parciais de (25×21,25x25x25x18), em 1h22 de partida, mantendo a invencibilidade na competição. Com 14 pontos, o central taubateano Otávio foi eleito o melhor da partida.

Classificação:

Após quatro rodadas, Sada Cruzeiro(1º) e Funvic Taubaté(2º) seguem invictos, mas a equipe mineira leva vantagem pois venceu todos os jogos por 3 sets a 0. Na parte de baixo da tabela, Lebes Gedore Canoas(9º), São Bernardo(10º), Copel Telecom Maringá Vôlei(11º) e Caramuru Vôlei/ Castro(12º)  ainda não venceram na competição.

tabela-sup

 

Foto de capa: Lucilia Bortone/Sacandoovolei

UFJF vence Sao Bernardo e entra na zona dos playoffs

por Luara Herédia

      Em partida válida pela última rodada  do 1º turno da Superliga, realizado neste domingo,14, a UFJF foi à São Bernardo do Campo(SP) enfrentar os donos da casa e conseguiram vencer por 3 sets a 0. Parciais de 18×25 ,18 x 25 e . Com a vitória, a UFJF somou 3 importantes pontos na tabela e com 12 pontos conquistados, os mineiros subiram na tabela e beliscaram a última vaga para a Copa do Brasil, competição em que os oitos primeiros colocados da Superliga participam(UFJF e Voleisul têm a mesma pontuação, porém, Juiz de Fora tem quatro vitórias contra três dos gaúchos).Já São Bernardo permanece em último lugar, com 2 pontos.

          As duas equipes voltam à quadra na próxima quarta, 17. São Bernardo recebe Ziober/Maringá, às 19 horas e Juiz de Fora vai até Canoas(RS), enfrentar os gaúchos, às 20h. As partida são válidas pela primeira rodada do segundo turno.

O JOGO

         Sabendo da importância da partida para os planos na competição, a  UFJF começou impondo seu ritmo e logo abriu vantagem 7×12. Com os centrais Ialisson e Victor Hugo inspirados, o levantador Rodrigo de Juiz de de Fora explorava as jogadas rápidas. Com isso, a equipe mineira abriu 10 pontos 12×22, e fechou o 1º set sem dificuldades por 18×25.

2º set
O set começou mais equilibrado, mas no primeiro tempo técnico os visitantes estavam à frente 6x 8. O técnico de São Bernardo tentava acertar sua equipe, mas acumulando erros, o time mineiro abriu vantagem 8 x 15. Edy, ponteiro do time paulista  se destacava no set, porém, Juiz de Fora tinha boa margem 15 x 21. No final do set, os donos da casa tentaram reagir, mas a UFJF repetiu o placar do set anterior, fechando em 18 x 25.

3º set

            São Bernardo começou melhor o set e aproveitando os erros do adversário abriu três pontos de vantagem 4 x 1. Após pedido de tempo do técnico da Federal, os mineiros reagiram  e encostaram no placar 5 x 4. Após ponto de saque, os donos da casa foram para o primeiro tempo técnico à frente do marcador 8 x 5. Na sequência, a UFJF voltou melhor e empatou o jogo 9 x 9. O set seguiu equilibrado e após contra-ataque, Dede virou o jogo para os mineiros 13 x 15. Jogando à frente, os visitantes pararam de cometer erros e ampliaram a vantagem 14 x 20 e se encaminharam para fechar o terceiro set em 20 x 25. O troféu Viva Vôlei, dado ao melhor do jogo ficou com o levantador Rodrigo, de Juiz de Fora.